Requião brilha ao lado de Lula em ato realizado em Porto Alegre

 

O desafio da defesa e da reconstrução da soberania brasileira estiveram no centro de um ato realizado nesta quarta-feira (1º), em Porto Alegre (RS) onde Requião brilhou. Lula sobre Requião: “Eu espero que a gente possa eleger esse jovem menino governador do Paraná”

O evento contou com o ex-presidente Lula, o ex-governador Geraldo Alckmin, a presidenta Nacional do PT Gleisi Hoffmann e a ex-presidenta Dilma Rousseff, ex governador Roberto Requião, ex deputada do PCdoB Manoela Davila, além de lideranças nacionais e estaduais do PT e dos aliados PSB, PCdoB, PSOL, PV, Rede, Solidariedade e de movimentos sociais.

 

 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse em Porto Alegre (RS), na noite de quarta-feira (01/06), que torce pela eleição do ex-senador Roberto Requião ao governo do Paraná.

 

– Eu espero que a gente possa eleger esse jovem menino governador do Paraná – disse Lula ao dedicar parte de seu discurso para enaltecer seu correligionário.

 

Segundo Lula, a filiação de Requião lhe deu uma alegria imensa.

 

– Imagina a alegria, quando eu fiquei, quando nós conseguimos convencer o Requião a se filiar no PT. Um jovem de 81 anos de idade, um garotão. Um garotão – disse o ex-presidente.

 

– Ele estava cheio de ‘treck-teck’, e esse garotão se filiou no PT – testemunhou, referindo-se às pautas nacionalistas defendidas pelo ex-senador paranaense.

 

– E esse menino se filiou ao PT no ato maravilhoso [no dia 18 de março, em Curitiba] – discursou o ex-presidente. “E eu agradeço porque o Requião é um político mais extraordinário que esse país produziu.”

 

Segundo Lula, o Senado da República perdeu o mais competente senador que elegeu nos últimos tempos.

 

– E eu espero que a gente possa eleger esse jovem menino, de 81 anos, para governador do estado do Paraná nestas eleições – disse Lula.

 

Lula disse que Requião não tem dúvidas de que lado está e lembrou, quando ele era governador, nunca cumpriu mandado judicial para despejar sem terra.

– Se eu puder, cara, se eu pudesse transferir o voto para o Paraná. Eu ia transferir para votar no Requião, porque você é um companheiro da mais extraordinária confiança, que nunca faltou, nunca teve dúvida de que lado estava – concluiu o ex-presidente Lula.

VEJA O VÍDEO DO EVENTO

Com apoio do Blog do Esmael

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*