Mortes por dengue no Paraná têm alta de 175% se comparadas com ciclo anterior

 

Com 88 mortes contabilizadas pela dengue no Paraná em todo o período epidemiológico da doença, que terminou no dia 30 de julho, foi registrado quase o triplo de mortes a mais do que no período anterior. No ciclo 2020-2021, a doença fez 32 vítimas. Essa evolução de 32 para 88 mortes representa um aumento de 175% entre os períodos.

Todos os outros indicadores tiveram aumento expressivo em relação à doença no estado. Foram registrados cinco vezes mais casos confirmados – 132 mil no período recém finalizado contra próximo a 28 mil no ciclo anterior. Os casos severos também subiram de 325 para 2.817, o que denota um retorno da preocupação com a doença. Em 2019-2020 o estado teve os piores números da epidemia de dengue, com 177 mortes. A moléstia deu uma trégua no período seguinte, mas agora voltou a causar preocupação.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*