Alerta de onda de frio chegando!

 

Meteorologistas alertam para uma onda de frio que derrubará as temperaturas do Brasil com intensidade a partir desta segunda-feira, 16. Especialistas em redes sociais garantem que teremos muitos memes e o ressurgimento de “peritos em alterações climáticas” garantindo que o fenômeno é a prova de que “aquecimento global não existe”.

 

A massa polar que avança rapidamente pelo Sul do Brasil -chamada informalmente de “erupção polar histórica”- vai incidir com a passagem de um ciclone extratropical. A coincidência tem potencial para gerar eventos raros, como neve e chuva congelante.

 

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informa que as temperaturas devem cair em todas as regiões do país, com possibilidade de atingir Rondônia e Acre até o fim desta segunda.

 

“A junção da umidade com o ar frio pode provocar neve ou algum outro tipo de precipitação invernal nos pontos mais altos da serra do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina”, informa o site de meteorologia Clima Tempo. “Isso deve acontecer especialmente entre os dias 17 e 18 de maio.”

 

Estima-se que a frente fria intensa pode bater recordes de baixas temperaturas em diversos locais do Brasil. Veja como fica cada região do país.

 

Como o frio afetará o Brasil

O frio vai atingir com mais força áreas do Sul, Sudeste, Centro-Oeste, mas até o Norte sentirá efeitos na temperatura.

 

Sul

Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul têm forte possibilidade de geada, com chances de eventos incomuns para esta época do ano, como queda de neve -nas serras gaúcha e catarinense- e “chuva congelante”.

 

Sudeste

A temperatura pode ficar abaixo de 10°C na capital paulista, no oeste do estado de São Paulo e no sul de Minas Gerais até o dia 19 de maio.

 

Centro-Oeste

Mato Grosso do Sul tem grandes chances de geadas -quando há formação de gelo no solo- ainda nesta semana.

 

Nordeste e Norte

Segundo o Inmet, a frente fria avançará rapidamente pelo país e provocará queda de temperatura, principalmente nas mínimas. Acre e Rondônia terão um segundo episódio de friagem neste mês. O primeiro  ocorreu entre os dias 4 e 5.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*